Os sons que não são sons de uma estrela cadente que não é uma estrela

Meteoros são fascinantes. Aquelas estrelas cadentes – que não são estrelas– nos fascinam há milênios. Vemos aqueles blocões de pedras – que não são pedras – cruzando o céu, num espetáculo visual maravilhoso. Ok, você já viu isso, provavelmente. Mas você já ouviu um meteoro? Continuar lendo “Os sons que não são sons de uma estrela cadente que não é uma estrela”

As plantinhas que foram pra vala por causa do meteorão do mal

Eu gostei de ler sobre o eclipse do dia 21. Sim, muito legal quando a natureza mostra seu balé cósmico, e vemos que escapamos mais uma vez de uma desgraça. Há cerca de 65 milhões de anos, os dinos não tiveram a mesma sorte, no que ficou conhecido como Extinção do Cretáceo-Terciário ou Extinção do Cretáceo-Paleogeno. Um meteorão do mal de 10 km de diâmetro caiu e mandou quase todo para a vala, inclusive dinossauros. O registro estratigráfico mostra que o desaparecimento abrupto das espécies, e não foram só animais. Plantas, também.

O cataclismo gerou uma onda de choque e calor que acarretou vastos incêndios. E quando há incêndios de grandes proporções, não é de se espantar que tenha havido queima incompleta, descarregando grandes toneladas de carbono finamente dividido em suspensão na atmosfera, o que chamamos de “fumaça” e “fuligem”. Sim, as plantas foram as próximas vítimas, senão por causa do incêndio, por causa do bloqueio da luz solar.
Continuar lendo “As plantinhas que foram pra vala por causa do meteorão do mal”

Os Caçadores de Asteroides da NASA

Asteroides são um perigo real, só não se sabe se é imediato. Aqueles pedregulhões do mal lá no Espaço podem muito bem entrar em rota de colisão. Para tanto, nós temos vigias. Gente perscrutando o firmamento, prontos para entrar em ação no caso do pior acontecer, avisando com antecedência.

Paranoia? Pode ser, mas até mesmo paranoicos podem ter o dia estragado por um meteoro caindo na cabeça.

Continuar lendo “Os Caçadores de Asteroides da NASA”

Como a NASA caça asteroides?

Asteroides são um perigo. pode não ser imediato, mas não podemos dar sopa, ainda mais que não temos o Bruce Willis para colocar umas dinamites lá. existe um departamento na NASA só para isso, e eles ficam de guarda, monitorando esses pedregulhões do mal para dar tempo de avisar ás autoridades quando um aerolito (ou aerolote,dependendo do tamanho) estiver em vias de cair na Terra, preparando-se para o pior. Claro, não será no Brasil, em que será mais provável que os brasileiros façam memes e estendam uma faixa “bem-vindo, Meteoro! Amamos Você!”.

Tem videozinho traduzido disso? Sim, temos videozinho!

Continuar lendo “Como a NASA caça asteroides?”

As folhinhas que ajudam a entender a extinção dos dinossauros

Há mais de 64 milhões de anos, um pedregulhão do mal caiu no México, aterrorizando tudo o que morava ali mais do que a possibilidade do Trump ser eleito. A queda inflamou os céus, o impactou gerou uma onda de choque que varreu o planeta, a Segunda Lei da Termodinâmica fez o seu trabalho, e uma onda de calor percorreu o solo, assim como o calor da atmosfera que se inflamou. O terremoto gerou um imenso tsunami que lavou as pobres almas de tudo o que foi pela frente. Morte, dor e ranger de dinossauros assolaram o planeta.

Mas tudo tem um fim e um início. O fim dos dinos de oportunidade aos mamíferos e aqui estamos nós para contar esta história. Entretanto, surge uma dúvida: A partir de quando a vida começou a voltar ao normal?

Continuar lendo “As folhinhas que ajudam a entender a extinção dos dinossauros”

De onde vem o ferro do planeta Terra?

Um dos principais motivos de você estar agora aí lendo este artigo, entre muitas coisas, é a magnetosfera. Este grande campo magnético faz com que partículas de alta energia desviem, formando as auroras, que são sinceras. Isso é devido ao imenso núcleo de ferro em convecção no interior da Terra, gerando um poderoso ímã. No manto, há uma bela quantidade de ferro disperso também, mas o problema que se segue é: de onde veio este ferro? De asteroides? Estranho, pois a Lua foi fuzilada por trocentos asteroides, tal qual a Terra, e parece não ter o metal por lá. Como ele se dispersou assim pelo manto? Não deveria ser um pedação apenas?

Afinal, de onde veio este ferro todo? Vontade divina? Jesus quis assim? Vishnu achou que seria uma ideia maneira? Hefestos estava sem ter com que trabalhar?

Continuar lendo “De onde vem o ferro do planeta Terra?”