Esporos fofoqueiros contam o que andou rolando na Extinção do Triássico

Há 200 milhões de anos, deu muito ruim no planeta Terra (não que isso seja novidade ou exclusividade. Houve outras extinções em massa. Essa foi apenas mais uma num mundo perfeito, projetado por um desenhista inteligente). A Extinção do Triássico-Jurássico foi uma extinção das mais severas, intensas e das que abalaram geral, quase limando toda a vida na Terra.

Ainda não se tem certeza de como isso aconteceu. Das várias hipóteses, a que mais se aproxima do que ocorreu é a que defende que houve um festival de erupções vulcânicas em escala colossal, já que elas teriam liberado quantidades godzilianas de dióxido de carbono e dióxido de enxofre que teriam feito o favor de causar um aquecimento global sem precedentes. Só que novos dados fornecidos por esporos de samambaia sugerem que pode não ter sido só isso.

Continuar lendo “Esporos fofoqueiros contam o que andou rolando na Extinção do Triássico”

O Trânsito de Mercúrio pelo Sol

Em maio de 2016, uma sombra redonda foi vista passeando na frente do SOL. A observação feita pelo Solar Dynamics Observatory foi feita em diferentes comprimentos de onda. Trata-se de Mercúrio, cuja orbita coincidiu em ser bem através das lentes do SDO, que registrou tudo por meio de fotos, que foram agrupadas para formar este time lapse.

Você perdeu, mas não fique triste. O próximo trânsito de Mercúrio ocorrerá em no próximo dia 11 de novembro. E o SDO estará lá para registrar tudinho.

Continuar lendo “O Trânsito de Mercúrio pelo Sol”

Como fazer uma amálgama de ouro

Amálgama é toda liga metálica em que um dos metais envolvidos está em estado líquido, sendo geralmente (mas não exclusivamente) o mercúrio. Amálgamas são muito úteis em diferentes processos. Desde a separação de metais nobres de rochas até obturações dentárias.

Aqui temos mais um vídeo de laboratório. Dessa vez, veremos como fazer uma amálgama de ouro e mercúrio.

Continuar lendo “Como fazer uma amálgama de ouro”

A história do vulcanismo de Mercúrio

Mercúrio não é um planeta tão famosão quanto Júpiter ou Saturno. O menor dos planetas do Sistema Solar é por vezes esquecido da mídia, o que é uma injustiça. Tendo uma geologia interessante, que se assemelha a muito meteorito, Mercúrio tem muito a nos contar sobre nossos sistema, ainda mais levando em conta que ele apresenta vestígios de vulcões.

Uma pesquisa analisa dados do que parecem ser vestígios de uma grande atividade vulcânica em todo o planeta, mas que parece ter terminado há cerca de 3,5 bilhões de anos atrás. O que isso nos ensina?

Continuar lendo “A história do vulcanismo de Mercúrio”

Mercúrio tem geologia similar a meteorito raro

No início era o verbo. Ele vinha correndo com o camafeu para entregar as mensagens de Zeus, o Senhor Supremo do Olimpo. Pulando entre as imensas e incandescentes bolas rochosas, o Mensageiro dos Deuses, The Fash Mercúrio corre por todo o Sistema Solar para entregar suas mensagens, muitas delas secretas.

Assim como as mensagens de Zeus, o próprio Mercúrio tem segredos; mas, nesse caso, estamos falando do planeta, não do mensageiro. Hoje, pesquisadores desvendo um pouco mais sobre a grande história dele, o Planeta-Mensageiro.

Continuar lendo “Mercúrio tem geologia similar a meteorito raro”

MESSENGER prestes a se espatifar, mas com trabalho bem feito

Ó Mercúrio, filho de Maia Maiestas e Júpiter. Mensageiro dos deuses, protetor do comércio, cujos pés alados carregam as alvíssaras ou as desgraças que assolam nossas vidas, sendo levadas ao deuses, que decidirão nossos destinos. Que segredos se escondem em ti, ó Sublime?

É isso que a missão MESSENGER (Entenderam? Entenderam?) pretende nos trazer. A um custo ridículo de 8,7 milhões de dólares (No Brasil gastar-se-á cerca de entre 5 a 7 bilhões de reais para bancar as campanhas de políticos), a Messenger tem como missão nos trazer mais informações sobre o Planeta-Deus, mas essa missão está chegando ao fim.

Continuar lendo “MESSENGER prestes a se espatifar, mas com trabalho bem feito”

Peixes contaminados por poluição atmosférica

O Serviço de Levantamento Geológico americano revela como a poluição por mercúrio contamina frutos do mar no Pacífico Norte. O estudo mostra, pela primeira vez, a relação entre as emissões globais de mercúrio e a contaminação de atum e outros tipos de vida marinha no oceano Pacífico Norte.

A pesquisa realizada pelo Serviço de Levantamento Geológico (USGS, na sigla em inglês) documenta a formação de metilmercúrio ? uma forma altamente tóxica de mercúrio ? que se acumula rapidamente na cadeia alimentar em níveis que podem provocar sérios danos à saúde de pessoas que consomem frutos do mar. Cientistas já sabem que o mercúrio depositado da atmosfera pode ser transformado em metilmercúrio, mas os estudos se restringiram apenas à transformação em si. Continuar lendo “Peixes contaminados por poluição atmosférica”