Deficiência vitamínica causa enxaquecas em crianças e adolescentes

Que crianças e adolescentes já são uma dor de cabeça, ninguém contesta. Agora (ou não tão agora) pesquisas começam traçar a franca relação entre enxaquecas e deficiências vitamínicas. Em outras palavras, as criaturinhas se alimentam mal e porcamente, daí ficam com enxaquecas e acabam dando mais dor de cabeça ainda.

Continuar lendo “Deficiência vitamínica causa enxaquecas em crianças e adolescentes”

Dieta vegan é “saudável”, mas não é bem assim que a banda toca

Enquanto os religiosos fanáticos da seita da Nossa Senhora da Alface, os guardiões do ´brócolis sagrado acham, defendem e vociferam o quanto a dieta vegan é mais saudável. Entendam, não é vegetarianismo, apenas. É vegan, mesmo: um grupo de débeis mentais, pesquisadores de facebook, cujo embasamento de suas alegações é o Facebook e pesquisas tiradas do contexto.

O problema é o fator "realidade", ainda mais quando pesquisadores de verdade mostram algo que os religiosos da Santa Chicória tamparao os ouvidos e dirão "LÁLÁLÁLÁLÁ": dieta vegan tem sérias deficiências nutricionais e isso pode acarretar até mesmo problemas neurológicos, o que explica muita coisa.

Continuar lendo “Dieta vegan é “saudável”, mas não é bem assim que a banda toca”

Carência de vitamina B12 faz cérebro encolher

Obviamente, esta notícia é patrocinada pela indústria da morte, onde criaturinhas éticas são dilapidadas em prol da sanha onívora que quer aniquilar os pobres coelhinhos (se fosse como vós, tirava a mão do bolso…). Estudos recentes demonstram que uma dieta com baixa concentração de vitamina B12 acarreta em problemas cognitivos, devido à diminuição do volume ocupado pelo cérebro. Obviamente, os éticos vegans dirão que isso é mentira, e não passa de um ardil dos onívoros de forma que você coma defunto (ou alguma metáfora retardada criada pelos seus cérebros atrofiados).

Continuar lendo “Carência de vitamina B12 faz cérebro encolher”

Besteiras a respeito da clorofila

Por algum motivo que escapa à minha compreensão, as pessoas têm alguma espécie de "tara" por causa da clorofila. Eu não sei por que, tudo tem que enfiar clorofila no meio ao se falar de dietas, alimentação etc. Normalmente, este erro idiota é propagado por sites de anoréxicas bulímicas fofoqueiras ou então por jornalistas, sempre eles, querendo agradar seu público-alvo: idiotas em geral. Dessa forma, acabam consultando "especialistas" que se especializam em falar qualquer tio de besteirol, de forma a arranjar leitores, muitas vezes citando gente deforma errônea. Isso quando eles não citam pessoas realmente idiotas que não sabem nada, como é o caso de uma "nutricionista" (tradução: cozinheira metida a besta) que soltou uma bela porção de besteiras, salpicada de idiotice e servida com molho de desinformação.

Continuar lendo “Besteiras a respeito da clorofila”

Estudos mostram eficácia de remédio e dieta no aumento da expectativa de vida

Dois estudos independentes dão passos importantes rumo ao desenvolvimento de terapias que retardem o envelhecimento em seres humanos – e assim nos aproximem da tão desejada longevidade. Uma substância derivada de bactérias se mostrou eficiente no prolongamento da vida de camundongos, e o mesmo resultado foi alcançado em macacos submetidos a uma dieta de restrição calórica. Continuar lendo “Estudos mostram eficácia de remédio e dieta no aumento da expectativa de vida”

Os quatro piores hábitos alimentares. Como acabar com eles?

comendorapido.jpg

  1. Mau hábito alimentar: Você adora um “salgadinho” o tempo todo
  2. Conseqüências: Você pode acabar comendo em excesso. Não há problemas de um ou dois snacks saldáveis entre as refeições. Eles podem manter os níveis de glicose estáveis e saudáveis e também permitir que você coma mais frutas e vegetais. “Quando você come bobagens no lugar de uma refeição é quando está mais propenso a perder a medida”, de acordo com a nutricionista Tara Gidus. É claro que o que você come também é importante. Snacks típicos (salgadinhos industrializados, biscoitos, etc.) não são muito nutritivos ou satisfatórios, portanto é fácil se exceder.

    Solução: Para manter sua energia no alto e a fome no mínimo, coma Continuar lendo “Os quatro piores hábitos alimentares. Como acabar com eles?”