Grandes ideias que você não deveria ter: Vassouromóvel

Trânsito nas grandes cidades é um problema sério. Acredite em mim: eu moro lá (no caso uma grande cidade, mas tem horas que eu penso que moro num engarrafamento). Claro, existem muitas soluções pra isso. Normalmente, envolvendo milhões de dólares em infraestrutura e transporte público, mas isso é coisa de mentes pequenas. Dois sujeitos tiveram a brilhante ideia de fazer uma vassoura-monociclo à lá Harry Potter.

Continuar lendo “Grandes ideias que você não deveria ter: Vassouromóvel”

Três idiotas entram numa fria e Darwin cossaco cai na gargalhada

Existem ideias idiotas, ideias completamente imbecis, ideias totalmente retratadas, existe a ideia de invadir a Rússia no Inverno, há a ideia de querer ser professor no Brasil e tem a palpiteira de cosméticos que resolve fazer uma festona metendo gelo seco na piscina. Darwin estava ansioso, com olhos vidrados, boca aberta e esfregando as mãos, pelo que poderia dar. Bem, Darwin não ficou decepcionado dessa vez quando 3 imbecis passaram dessa para melhor, inclusive o marido da referida.

Bônus track: a referida “influencer” é farmacêutica e o marido dela, um dos que bateram as botas, era químico. Um péssimo químico pelo visto.

Continuar lendo “Três idiotas entram numa fria e Darwin cossaco cai na gargalhada”

Celulares causam acidentes em gente tosca que não presta atenção, diz pesquisa

Eu gosto quando algumas pesquisas são o puro óbvio ululante, como diria Nelson Rodrigues. Não que algumas delas não sejam necessárias. Até são, mas isso porque as pessoas são absurdamente estúpidas e insistem e fazer merda, como andar pela rua entretido com a fuça no celular.

Pensem comigo: o desgraçado vem andando pela rua, com o focinho virado pro celular e o pescoço torto. O que poderia dar de legal disso? Bem, segundo pesquisadores da Universidade Rutgers, ferimentos na cabeça e pescoço ocorridos ao andar com um celular, ou mesmo quando estão dirigindo e usando celular (o miserável além de atropelar alguém ainda pode ter dor no pescoço, mas não larga aquela bosta!)

Continuar lendo “Celulares causam acidentes em gente tosca que não presta atenção, diz pesquisa”

Eu não me importo se pais dão MMS para os filhos

Sim, isso mesmo que você leu no título (você leu o título, né?), eu parei de me importar. Se você não sabe do que estou falando, eu explico rapidamente, pois é muito simples: as pessoas são imbecis e estão dando alvejante para crianças, pois isso é a real cura do autismo, hepatite, HIV, malária, gripe H1N1, resfriados comuns e, claro, câncer! Ah, e cura Alzheimer também. MMS, ou Miracle Mineral Solution (Solução Mineral Foda pra Caralho, em tradução livre) cura tudo. Pararam com a fofoetanolaminha e, agora, outro medicamento salvador irá livrar as pessoas dos grandes males da Humanidade que a Big Pharma não quer que você saiba.

Continuar lendo “Eu não me importo se pais dão MMS para os filhos”

Crente tosco anti-vaxxer processa escola. Perde e ainda ganha catapora. Valeu, Darwin!

Jovem é um grupo de seres que só farão algo que preste no Universo quando acabarem. Anti-vaxxers são criaturas imbecis. Fanáticos religiosos são criaturas retardadas. Quando junta tudo, temos o supra-sumo da estupidez em níveis galácticos. Um exemplo é um retardado chamado Jerome Kunkel. Esta cavalgadura é jovem, crente fanático, anti-vaxxer e… bem, é crente fanático e anti-vaxxer. Não tem como piorar! (ter, tem, mas aí ele teria que ser o Carlos Bolsonaro). A toupeira se recusou a tomar vacinas, foi suspenso da escola em que estudava e, por causa disso, foi suspenso, ficou putinho e meteu a instituição no pau. Ele perdeu.

Agora, é jovem, crente fanático e anti-vaxxer. Tem como piorar? Claro que tem! Este boçal contraiu catapora.

Continuar lendo “Crente tosco anti-vaxxer processa escola. Perde e ainda ganha catapora. Valeu, Darwin!”

Gente “esperta” que se consultou com doula, tomou chá da lata e o feto teve má-formação. Parabéns, pessoal

2000 anos de Medicina nos preveniu várias doenças e aumentou nossa expectativa de vida para cerca de 70 anos (no início do século XX era de 40. Há 1000 anos era de uns 15 anos, e aos 12 você já estava pedindo pra morrer). Erradicamos várias doenças, fazemos microcirurgias, muitas vezes só com uma pequena incisão, não deixando nem cicatrizes. Mas aí chega o século XXI e temos o que? Um bando de millenials que cismaram que o bão mesmo é ter filho com parteira. Péra, parteira não. Parteira é coisa de pobre. Eles chamam “doulas” (é uma parteira hipster).

Eu já tinha publicado que isso dá MUITO certo (SQN). Agora, o que noticiaram? Mulherada reclamando que a doul… a parteira hipster “receitou” chazinho que causa malformação fetal. Eu até riria se não fosse trágico. Não, péra! Eu rio, mesmo. Ninguém manda ser imbecil que ainda vive na era pré-científica.

Continuar lendo “Gente “esperta” que se consultou com doula, tomou chá da lata e o feto teve má-formação. Parabéns, pessoal”

Pastor mete o louco e aparece “voando” na pregação

Há muitos e muitos anos, na Era Geológica Cogitiana (se você não entendeu, é porque não me segue no Twitter), havia um seriado de TV com a Sally Field, antes de ela dar a luz ao Forrest Gump. Era a Noviça Voadora. Era uma freira atrapalhada, cujo chapéu do hábito tinha uma forma aerodinâmica adequada para levantar voo na primeira ventania. Era bobo, idiota e divertido como vários seriados daquela época.

Hoje, tem gente levando isso a sério, como é o caso do pastor Bartolomew Orr, mais conhecido como Pastor Voador.

Continuar lendo “Pastor mete o louco e aparece “voando” na pregação”

Lagartos mostram Efeito Baldwin no deserto

Aprendemos que Evolução não se dá em indivíduos apenas, mas em populações. Aprendemos também que é um processo lento, mas de vez em quando ela nos prega peças e acontece mais rápido do que poderíamos supor, já que o mundo não é como queremos que seja, e as “leis científicas” são uma aproximação. Ou, como eu costumo dizer, “É regra que toda regra tem exceção”. Outro exemplo poderia ser o Lamarckismo, cujo princípio é a lei do Uso e Desuso. Você sabe, aquele lance das girafas serem pescoçudas para poderem comer as folhas das árvores mais altas por motivo sei lá, já que poderiam comer as folhas mais baixas.

Só que ainda temos um pequeno detalhinho: o Efeito Baldwin.

Continuar lendo “Lagartos mostram Efeito Baldwin no deserto”

Servo do Senhor tenta batizar fiéis. Crocodilo ateu diz que não dessa vez

Docho Eshete era um pastor, servo de Nosso Senhor Jesus. Era um bom homem, um homem de fé e princípios. Ele acreditava nos poderes por ter renascido, estava remido no sangue de Cristo Jesus. Pastor Docho conduzia uma cerimônia de batismo no Lago Abaya, na cidade de Arba Minch, no sul da Etiópia, para 80 pessoas. Pastor Docho era um cara legal e estava lá, pronto para o renascimento de seus irmãos, para que, um dia, eles fossem batizados pelo Espírito Santo de Deus.

Er… vocês repararam que eu só estou escrevendo no passado, né? Irmão Docho não está mais com a gente. Um crocodilo daqueles gigantões pulou da água e acabou com aquela festança. Ele comeu o pastor Docho, não ligou no dia seguinte e Docho se ferrou bonito.

Continuar lendo “Servo do Senhor tenta batizar fiéis. Crocodilo ateu diz que não dessa vez”

67% da população é burra e trata câncer com besteiras alternativas

A população é burra em sua maioria. 92% é incapaz de se comunicar corretamente, fazendo do Brasil uma nação de analfabetos funcionais. Ainda assim, todo mundo é especialista em algo que viu num vídeo no YouTube e é capaz de provar por A + B que aquilo é verdade. 67% da população realmente acredita nos tratamentos milagrosos das chamadas “medicinas alternativas” e quando você tenta argumentar que nada daquilo funciona, lhe acusam de ser assassino e rogam pragas para que você tenha câncer e sofra bastante.

Continuar lendo “67% da população é burra e trata câncer com besteiras alternativas”