Leite-com-Pêra ficou tristinho com professor malvado

Eu fico pensando em que ponto nossa sociedade chegou. Como pessoas fracas estão conseguindo notoriedade e destaque simplesmente por defender que são fracas e, com isso, são tidas como heróis de alguma coisa. Não, eu não consigo compreender. A geração de “jovens” (inventaram que jovem vai até 30 anos. Pessoal realmente gosta de se sentir infantilizado) de hoje quer biscoitos nas suas caixinhas de eco, e qualquer coisa os desestabiliza, qualquer coisa os deixa com ansiedade e depressão.

Continuar lendo “Leite-com-Pêra ficou tristinho com professor malvado”

Santander irrita o mundo com uma exposição, pois Deus não tá nem aí

O Brasil é um excelente lugar. Um lugar em que há respeito mútuo, liberdade individual e de expressão. O Brasil é formado pelo respeito às diferenças e oferece total liberdade de credo e pensamento. O Brasil é realmente muito bom… ou seria, já que tem um sério problema: brasileiros. Sim, brasileiros; aqueles que acham que têm direitos, mas não deveres, que exigem liberdade e tolerância para com suas opiniões e crenças, mas é incapaz de respeitar qualquer um que não siga suas convicções.

Agora, o problema está com a exposição do Santander Cultural, com o pessoal reclamando q1ue o banco está promovendo homossexualidade, zoofilia, pedofilia e que coloquem purê em cachorro quente. Eu acho que é uma abominação perante os olhos do senhor cachorro quente com purê, mas quem sou eu para mandar no gosto (ou mau-gosto) dos outros? Continuar lendo “Santander irrita o mundo com uma exposição, pois Deus não tá nem aí”

Papa Chico I irrita criacionistas. Eu ri!

A ralé criaBURRIcionista subiu nas tamancas com a declaração sensata do Papa ao dizer que Deus não é Harry Potter e fazer tudo PUF! por mágica. Nisso, os Uruk-Hai tiveram ataque de piti, chefiados por Sarumã Ken Ham, aquele retardado humilhado pelo Bill Nye, sendo ele, Ham, o único que não percebeu que fez papel de ridículo.

Ham soltou sua bobajada já conhecida, e só ganhará um certo espaço aqui s´[o para fazê-lo ser o que realmente é: um débil mental. Claro, mesmo débeis mentais têm seguidores, tão idiotamente retardados quanto o próprio!

Continuar lendo “Papa Chico I irrita criacionistas. Eu ri!”