Mãe vence barreiras e chega em primeiro numa corrida, entrando pro Livro Guinness

Eu gosto muito de esportes. É bom para a saúde e ajuda a unir pessoas, aliando o fato que competições saudáveis mostra como o altruísmo pode nos ajudar a chegar mais longe. Corridas, por exemplo, são um perfeito exemplo, pois atletas se preparam e dão o melhor, correndo de igual para igual, visando saber quem chega primeiro, sendo mais forte, mais rápido.

Mas e as mães, como ficam? Ora, mas quem falou que mães não podem praticar esportes?

Continuar lendo “Mãe vence barreiras e chega em primeiro numa corrida, entrando pro Livro Guinness”

O segredo proteico de se recuperar de uma concussão

Em 2015 eu escrevi sobre o traumatismo crânio-encefálico. Descrevi o que era e o atendimento médico imediato. Também apresentei um estudo sobre jogadores de futebol americano com genes que lhes dão capacidade de se recuperar mais rapidamente do que outros com lesões semelhantes, e isso se deve à apolipoproteína E. Agora, uma recente pesquisa aponta que níveis elevados da proteína cerebral tau estão associados com um período de recuperação mais longo para os atletas. Por que isso?

Continuar lendo “O segredo proteico de se recuperar de uma concussão”

O segredo genético de como se recuperar de concussões

As pessoas brincam com pancadas na cabeça. Acham que qualquer batidinha não é nada, mas qualquer médico minimamente responsável dirá para levar num hospital para se ter certeza. Traumatismo Crânio-Encefálico é a maior causa de morte e incapacidade em adultos jovens. O dano neurológico não ocorre necessariamente no momento do impacto e pela animação acima você pode ver a caca que apenas no momento do impacto, mas progride ao longo de algumas horas… ou dias. Quando há lesão neurológica sem sintomas aparentes, é que costumam chamar de “concussão”, apesar de ser um termo pouco usado aqui no Brasil.

Um estudo com jogadores de daquilo que chamam de “futebol americano” (em que se disputa com um caroço de azeitona gigante) mostra que a genéticaq pode ajudar na recuperação de concussões. Mas que diabo são essas concussões? Sim, vai um Livro dos Porquês incluso!

Continuar lendo “O segredo genético de como se recuperar de concussões”

Cerveja após exercícios faz bem

oktoberfestwiesncard.jpgUma pesquisa feita por cientistas espanhóis sugere que o consumo de cerveja após a realização de exercícios físicos pode trazer benefícios ao corpo humano. Segundo o jornal britânico Daily Mail, uma pesquisa da Faculdade de Medicina da Universidade de Granada, na Espanha, mostra que a bebida ajuda a repor o líquido perdido no suor, durante o exercício.

Os pesquisadores acreditam que os açúcares, sais e gás da cerveja ajudam o organismo a absorver os fluidos mais rapidamente. Na pesquisa liderada pelo professor Manuel Garzon, 25 estudantes correram em uma esteira, sob temperatura de 40º C, até ficar exaustos.

Em seguida, os pesquisadores mediam seus níveis de hidratação, habilidade de concentração e coordenação motora. Metade deles recebia dois copos de cerveja, enquanto o resto recebia água. Depois disso, todos podiam beber quanta água quisessem.

Segundo o Daily Mail, os estudantes que beberam cerveja demonstraram níveis de hidratação “um pouco melhores” do que os que beberam apenas água. Continuar lendo “Cerveja após exercícios faz bem”