Pesquisa diz que sexo não traz felicidade

É… ferrou de vez. Sexo não traz felicidade. E agora? Pelo menos é a conclusão de pesquisadores, ao analisar a frequência de relações sexuais e a relação disso com a felicidade das cobaias. Sexo não traz felicidade. Dinheiro não traz felicidade. Só faltam dizer que bacon também não traz. Então é o caso de dar um tiro na cabeça, mas é capaz de nem isso trazer felicidade.

Ciência sempre contribuindo para deixar a vida mais sem graça. (pizza também não traz felicidade, a propósito). Aliás, uma pergunta: Isso seria SEXTA INSANA?

Continuar lendo “Pesquisa diz que sexo não traz felicidade”

Adolescentes confundem sexo com assalto e agridem um homem

Agora, Ceticismo.net passará a dar conselhos… er… sexológicos. Amigos, vocês sabiam que algumas mulheres (e homens) têm o hábito de falar durante as relações sexuais? Vocês TAMBÉM sabiam que, além de falar, elas(es) gritam? Sabiam? Que ótimo! Se não sabiam, não se envergonhem, pois não estão sozinhos. Um rapaz foi surrado na cidade de Torrington, Connecticut (EUA). O motivo? Adolescentes ouviram a gritaria da garota com quem ele estava transando no momento, pensaram que ela estava sendo assaltada, invadiram o quarto e baixaram a porrada nele.

Senhoras e senhores, tenho o (questionável) orgulho de apresentar-lhes mais uma SEXTA INSANA! Continuar lendo “Adolescentes confundem sexo com assalto e agridem um homem”

Monge franciscano escreve um livro que serve de guia sexual

E eu que pensei que o Dia da Insanidade foi ontem, com a notícia do Padre Bultmann, digo, Padre Duarte. Mas, pelo visto, me enganei. Isso porque a ICAR está – segundo me parece – aplicando (ops) no entretenimento caseiro e não estou falando de DVDs e sim no mais antigo divertimento da humanidade: sexo.

Um padre polonês (não, não é Copérnico) escreveu algo como um guia prático e teológico (não pergunte) sugerindo como casais casados (obviamente, nos sagrados matrimônios da Santa Madre Igreja Católica Sacananológica Apostólica Romana) podem melhorar sua vida sexual. O objetivo do padre Ksawery Knotz (eu desafio vocês dizerem este nome cinco vezes seguidas sem errar) ao escrever o livro “Sexo como Você não Conhece – para Casais Casados que Amam Deus” foi acabar com as atitudes excessivamente conservadoras de muitos fiéis. Os mais espirituosos já estão chamando a obra de “Kama Sutra Católico”. Você consegue ficar sério diante disso? Continuar lendo “Monge franciscano escreve um livro que serve de guia sexual”