A Grande Revolução Tecnológica que não revoluciona

Eu adoro revoluções tecnológicas. Pensem no quanto elas mudaram o mundo. Poderei relacionar várias, como a pedra lascada. Dali tivemos ferramentas melhores, armas para nos protegermos, caça etc. Que grande mudança! Outra tecnologia excelente: o arado. Uma quebra total de paradigma. Outro exemplo? As máquinas simples, os teares automatizados e a computação (estou falando de Charles Babbage). Só que as pessoas não entendem o significado de revolução tecnológica. Acham que só porque fizeram um aplicativo, UAU, fizeram uma imensa mudança.

Continuar lendo “A Grande Revolução Tecnológica que não revoluciona”

Grandes Nomes da Ciência: Oswaldo Cruz

A multidão ensandecida quer justiça! Ela se cansou dos desmandos dos poderosos e resolveu fazer algo contra isso. Os anônimos iniciaram um clamor popular e o homem do alto de seu palácio sente que dias negros se aproximam. O homem do palácio resolveu que algo tinha que ser mudado e o Presidente lhe dera carta branca; mas ele não contava com o Poder do Povo, e este estava decidido… Decidido a continuar na imundície, pouco importando quantas pessoas estavam morrendo.

Esta é a história da briga de Oswaldo Cruz contra a varíola, que resultou em várias mortes no que foi conhecido como “Revolta da Vacina”.

Continuar lendo “Grandes Nomes da Ciência: Oswaldo Cruz”

Culturômica 2.0: Quando computadores poderão prever eventos sociais

Num mundo como o nosso, temos acesso (ou quase) em tempo real a tudo que está acontecendo no mundo. Hoje, a informação viaja mais rápido do que a mídia pode registrar e vemos a História se desenrolando, dependendo diretamente do que podemos ter acesso. Levando em conta a velocidade que as redes sociais possuem em transmitir informações e notícias, muitas vezes temos um panorama geopolítico quase simultâneo. A questão é saber se poderíamos prever eventos sociais com a ajuda da computação, registrando num supercomputador todos os dados e informações que estão chegando a cada momento.

Alguém está ajeitando seus óculos de aros grossos e, emoldurado por vastas costeletas brancas, um sorriso de "eu já sabia" se desenha.

Continuar lendo “Culturômica 2.0: Quando computadores poderão prever eventos sociais”