Vem, Ano Novo! Cai dentro, mermão

Chegamos ao fim-do-ano, e não sei se agradeço ou suspiro pensando se efetivamente saímos de 2020. Não sei se é para comemorar que a pandemia está indo embora (está? Espero que sim) ou se baixo a cabeça pensando na quantidade de mortes evitáveis. Eu estou bem e meus familiares também, mas essa não é uma regra para todas as pessoas e eu só posso lamentar. Não era para ser assim.

Continuar lendo “Vem, Ano Novo! Cai dentro, mermão”

Veja o lado bom de 2020

E chegamos a mais um fim de ano. 365 dias e 5 horas e uns quebrados, quase 365,25 dias. Algumas pessoas estão dando graças pelo ano ter terminado, mas praticamente falam a mesma coisa todos anos. Será que a vida dessa gente nunca melhora? Quanto a mim, eu parto do princípio que tudo pode melhorar e que nada é tão ruim que não possa piorar. Reclamar não adianta; prefiro olhar pra trás e só para rever os bons momentos que passei, mas aí é de cada um.

Continuar lendo “Veja o lado bom de 2020”