Papa reclama das queimadas mas Jesus não dá nenhuma ajuda

Eu nem entendo mais as religiões. Antigamente, Jesus fazia e acontecia. Não só ele, mas todos os outros deuses de todas as outras religiões. Então, seus seguidores, portadores da mensagem de seus deuses, eram investidos desse poder, capaz de evocar poderes supranaturais. Hoje, só fazem dar palpite.

Um exemplo disso é o Papa Chicão, the First. Ontem, domingão, ele demonstrou preocupação com os incêndios florestais na América do Sul e nos Estados Unidos. Tipo, sei lá. Ele poderia ter resolvido, não?

Continuar lendo “Papa reclama das queimadas mas Jesus não dá nenhuma ajuda”

Métodos agrícolas das primeiras civilizações podem ter alterado o clima global

Não é de hoje que seres humanos queimam florestas para poderem usar a terra, seja como pasto ou como área de cultivo, isso já acontecia há milhares de anos, e isso pode ter influenciado no clima do planeta, por ter aumentado a concentração de dióxido de carbono (CO2). Pesquisadores da Universidade da Virgínia e da Universidade de Maryland, EUA, afirmam que as 6 bilhões de pessoas de hoje usam cerca de 90% a menos de terra por pessoa para produção de alimento do que era usado por populações menores no início do desenvolvimento das civilizações. Essas primeiras sociedades provavelmente se basearam num processo de corte-queima para limpar grandes extensões de terras, afim de produzirem alimentos em níveis relativamente pequenos. O estudo foi publicado na Quaternary Science Reviews. Continuar lendo “Métodos agrícolas das primeiras civilizações podem ter alterado o clima global”