A mais antiga farmácia do mundo

Vendo um pórtico antigo de uma construção alojada dentro de uma capela florentina do século XVI, ninguém daria nada por ela, mas ali está a farmácia mais antiga do mundo em atividade. O local esconde uma história interessante e faz parte da Itália, e por que não dizer, da história do próprio conhecimento científico.

A dita farmácia se trata da Officina Profumo-Farmaceutica di Santa Maria Novella ou Farmacopeia de Santa Maria Novella, que entre seu catálogo estão poções antigas como o Vinagre dos Sete Ladrões, o primeiro perfume moderno e até um licor de joaninha. E esta é sua história. Continuar lendo “A mais antiga farmácia do mundo”

Um antigo mapa mundi para viajantes que não viajavam

Mapas sempre foram uma necessidade, desde que os primeiros humanos precisavam saber onde estavam e, mais importante, como compartilhar com os outros como chegar em determinados lugares. Em 2020, eu postei sobre o maior mapa mundi existente, falando inclusive do Imago Mundi, o mapa mais antigo que representa o mundo, tendo sido feito pelos babilônios no século 6 AEC. Entretanto, apesar de não ser o mais antigo, nem o maior mapa mundi existente, há um mapa fascinante, datando do século XIII: Mappa Mundi de Hereford. Continuar lendo “Um antigo mapa mundi para viajantes que não viajavam”

A Verdadeira História da Morte

Quando a Indesejada das gentes chegar
(Não sei se dura ou caroável),
talvez eu tenha medo.
Talvez sorria, ou diga:
— Alô, iniludível!

Manoel Bandeira

Se há uma coisa realmente democrática, essa coisa é a Morte. Ela chega para todos nós, brancos, negros, indígenas, amarelos, inuítes etc. Todo mundo nasce, todo mundo vive um certo tempo, todo mundo morre, e isso é válido para todos os seres vivos. Não por acaso, todas as culturas tiveram e têm sua representação da Morte; entretanto, a mais usual hoje – e que permeia a nossa imaginação – é o Ceifador, usando um manto preto, capuz escondendo o rosto e uma enorme foice, daquelas que é preciso usar duas mãos para se usar. O Ceifador (em inglês, Grim Reaper) tornou-se parte da cultura pop, um ícone reconhecido através o mundo em livros quadrinhos, programas de TV, filmes e jogos como um indefectível símbolo da Morte. Como chegamos nessa figura sinistra, que possui diferentes representações, inclusive fofinhas como a Dona Morte do Maurício de Souza? De onde veio esta figura?

Continue a ler AQUI >>

A origem da tonsura e cortes de cabelos dos monges

Você deve ter visto algum frade franciscano, e o que mais deve ser característico é seu corte de cabelo estiloso. Aquela careca, em que fica apenas um circulozinho de cabelo, é chamada “tonsura”. Mas você sabe de onde ela surgiu ou quem a criou? Certamente, você vai achar que foram os cristãos, mas não é bem assim.

Esta é mais uma edição do LIVRO DOS PORQUÊS Continuar lendo “A origem da tonsura e cortes de cabelos dos monges”

Não olhe agora, mas a Virgem Maria está pagando peitinho

A iconografia cristã tem horas que é… como direi?… curiosa. Entre várias iconografias esquisitas, dessa vez vamos citar a iconografia de Maria, mãe de Jesus, mostrada amamentando. Esse tipo de iconografia é chamado Virgo Lactans ou Madonna Lactans (em latim), Madonna del Latte (em italiano), Γαλακτοτροφούσα (em grego, Júnior!) ou Млекопитательница (em russo). Em português, o termo é Virgem Amamentando, mesmo, e foi uma temática muito em voga durante a Idade Média, representando Maria como uma mãe, e Jesus apenas como um bebê como outro qualquer. Continuar lendo “Não olhe agora, mas a Virgem Maria está pagando peitinho”

10 perguntas embaraçosas sobre a Bíblia parte 2

Há algum tempo, eu postei 10 perguntas embaraçosas sobre a Bíblia. Bem, esta é a parte 2. Será que ir~]ao responder estas perguntas? Porque as anteriores, quando respondiam era enrolação, e nunca respondiam todas.

Vamos, filhos de Deus. Vocês conseguem me aniquilar no campo da argumentação, não conseguem? Manda ver aí! Continuar lendo “10 perguntas embaraçosas sobre a Bíblia parte 2”

Papa manda a real para as sogras deixarem de ser linguarudas

Dizem que feliz foi Adão, que não tinha sogra. Talvez seja exagero (não é), e provavelmente seja algum preconceito (não é) para com sogras, que são seres amáveis (não são). Até mesmo o Papa acha que sogras falam demais e deveriam ficar com a língua dentro da boca.

Tomando meu soro antiofídico para ir visitar a minha sogra, esta é a sua SEXTA INSANA!

Continuar lendo “Papa manda a real para as sogras deixarem de ser linguarudas”

Os detalhes escondidos na Capela Sistina

Todo mundo que visitou a magnífica Capela Sistina fica embevecido com as pinturas lá. A capela foi uma encomenda do Papa Sisto IV, em 1471, contratando vários artistas para decorá-la, como Sandro Botticelli e Pietro Perugino. Em 1508, Rafael Sanzio foi convidado para pintar afrescos, mas ele viu que seria uma trabalheira e empurrou a bola para Miquelângelo Buonarroti, que não era pintor, mas escultor. Miquelângelo relutou, mas acabou aceitando, e demorou um bocado para pintar tudo, muitas vezes ficando quase de cabeça para baixo em andaimes de madeira, a uma altura de cerca de 13 metros, e isso no século XVI, o que era praticamente suicídio. Mike não morreu e sua obra está para a posteridade até hoje. Continuar lendo “Os detalhes escondidos na Capela Sistina”

Jesus sempre um cara legal, mas implicante

Hoje é Sexta-feira Santa, dia do Vegan. Um dia que a gente se lembra de Jesus, pois ele fez o máximo pela gente. Sim, Jesus é um cara muito legal, pois ele morreu na sexta-feira justamente para termos um feriado que emendasse com fim-de-semana. Mas ele mandou um respawn e apareceu três dias depois, no domingo (não pergunte), para nos agradar novamente. Afinal, é o dia que a gente ganha chocolate. Continuar lendo “Jesus sempre um cara legal, mas implicante”

Voz dos Alienados 119

Eu tenho um apreço muito especial pelos meus crentinhos de estimação. Alguns sempre voltam a me visitar, nem que seja trocando o email, mas eu conheço cada um deles, principalmente pela escrita e as imbecilidades recorrentes. É sempre bom tê-los aqui, meus queridos imbecizinhos! Vocês sabem que sempre podem voltar. Mesmo porque, vocês possuem aquele desejo morbidamente masoquista de passar vergonha. Eu não os furtarei de saciar este desejo.

Com vocês: A VOZ DOS ALIENADOS!

Continuar lendo “Voz dos Alienados 119”