Category Archives: Quí­mica

Quando Juno beijou Júpiter e postou nude dele

A missão Juno começou quando ela subiu ao Espaço em 5 de agosto de 2011, chegando lá em 30 de abril de 2016. Ela está em órbita polar desde então e sua missão é descortinar os segredos de Júpiter, o Senhor dos Planetas, perscrutando o que tem embaixo de suas grossas nuvens e pesquisar a origem e evolução de Júpiter.

Poucos dias depois de comemorar seu primeiro aniversário na órbita de Júpiter, a Juno vai logo para a Grande Mancha Vermelha de Júpiter, aquela imensa tempestade que dura séculos, com mais de 15 mil quilômetros de largura.

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

Criacionista diz que vai provar que Grand Canyon se formou com Dilúvio

Criacionistas são fofos. Eles realmente acham que o mundo natural tem que se curvar perante à sua crença, quando a realidade mostra o contrário. Ainda assim, eles não desistem, como é o caso de um “cientista” chamado Andrew Snelling. Snelling é PhD em Geologia, mas daí ele resolveu se juntar ao pessoal tosco do Answer in Genesis, o mais divertido movimento criacionista que fica inventando bobagens sem sentido, que só não são completos inúteis, pois até mesmo eles deram esporro no Ron Whyatt e suas bobagens sobre carruagens egípcias no Mar Vermelho.

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

As origens dos jatos dinâmicos na superfície do Sol

O Sol não fica paradinho. Sabe-se que ele tem altíssima atividade, com suas explosões solares e ejeção de massa coronal. Mas não é só isso! Milhões de jatos de material solar explodem da superfície do Sol a cada momento, chegando a ter quase 10 mil quilômetros de altura a uma velocidade absurda de milhares de quilômetros por segundo. Só agora, mediante simulações computacionais, estamos começando a entender esta dinâmica e sua natureza.

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

Lâmpada Quebrada + Nitrogênio Líquido = DIVERSÃO

Eu gosto de lâmpadas incandescentes. Que se dane se gastam muita eletricidade, desperdiçando 95% da energia consumida sob a forma de calor. Tanto que agora temos até lâmpadas retrô de LED sendo vendidas no Mercado Livre imitando antigas lâmpadas incandescentes, que eu sempre achei um charme, principalmente as que imitam o design de lâmpadas da década de 1930-40.

Essas lâmpadas, dada ao imenso calor que liberam, queimam logo o filamento. Por isso, eles precisam ficar numa atmosfera inerte, como argônio, por exemplo. Mas e que tal nitrogênio?

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

O Experimento de Massaru Emoto

O experimento do Massaru Emoto é aquele tio japa que teceu uma teoria muito legal. Palavras têm sua força, e se colocarmos etiquetinhas com frases tipo “Eu te amo”, “obrigado”, “amor” etc, mudará a rede cristalina da água e ela ficará… bonita. Fofo, não? Entretanto, se você colocar palavras feias, como “você é um idiota”, “imbecil” ou qualquer xingamento, isso poderia mudar toda a disposição dos átomos da água, deixando-a feia e disforme. Sim, isso mesmo! Só uma etiqueta era o suficiente, independente da intenção, caso contrário, a própria intenção do Emoto anularia seu experimento, de acordo com a proposição.

Eu até fiz um experimento para comprovar isso, que eu chamei de “Arroz Sensível”. Será que funciona? E como é isso sobre o Massaru Emoto? O que tem de verdade nisso? (nhé. Você já pode prever qual é a resposta).

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

Parker Solar Probe investigando o nosso Sol

O Parker Solar Probe da NASA será a primeira missão a “tocar” o Sol (preste atenção nas aspas, pombas!!). A nave espacial, do tamanho de um carro pequeno, viajará diretamente para a atmosfera do Sol a mais de 6,4 milhões de quilômetros da superfície da nossa estrela. O lançamento está programado para o verão de 2018.

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

O Experimento do Arroz Sensível

Saiu uma notícia que uma professora de Curitiba quis comprovar como palavras ruins podem fazer mal à gente. ela colocou dois potes com arroz cozido, sendo que um tinha palavras legais e de encorajamento e o outro palavras “negativas”, naquela teoria do Massaru Emoto que isso afeta as moléculas da água e, com isso, afetar nosso organismo. Será verdade?

Bem, eu sou um cientista. Que tal comprovar cientificamente? Acompanhe as fotos que colocarei diariamente (ou quase) no Instagram @ceticismo_net

Vamos ao vídeo?

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

Pesquisa estuda substâncias que impeçam coágulos excessivos causando AVC

Pode ser possível perturbar os coágulos sanguíneos prejudiciais em pessoas com risco de ataque cardíaco ou acidente vascular cerebral sem aumentar o risco de sangramento, de acordo com um novo estudo publicado na Nature Communications .

Coágulos são coisas muito legais, que principalmente nos ajudam a não ficar sangrando até a morte. Hemofílicos adoram eles. Uma pena que quem sofre de ataques cardíacos e/ou AVC já não pensem o mesmo, pois a Natureza tem a mania de transformar algo legal e uma coisa que pode estragar os seus dias.

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

As mudanças sazonais do CO2

O CO2 é um gás que afeta absurdamente o clima global. Assim, é muito importante monitorá-lo, e mapear os dados de forma a termos uma visão tridimensional de alta resolução das concentrações globais deste gás.

O vídeo mostra dados de 1 de setembro de 2014 até 31 de agosto de 2015. A visualização foi criada usando a saída do sistema de modelagem GEOS, desenvolvido e mantido por cientistas da NASA. A altura da atmosfera e da topografia da Terra foram verticalmente exageradas e aparecem aproximadamente 400 vezes acima do normal para mostrar a complexidade do fluxo atmosférico.

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

AIRS: De olho na atmosfera, clima e no planeta como um todo

O Atmospheric Infrared Sounder (AIRS) é um dos seis instrumentos a bordo do satélite Aqua da NASA, lançado em 4 de maio de 2002. O instrumento é projetado para apoiar a pesquisa climática e melhorar a previsão do tempo, observando os ciclos globais de água e energia, variações e tendências climáticas e a resposta do sistema climático ao aumento dos gases de efeito estufa.

Trabalhando em conjunto com o instrumento de análise de micro-ondas (o Advanced Microwave Sounding Unit – AMSU-A), o AIRS usa tecnologia infravermelha para criar mapas tridimensionais de temperatura do ar e da superfície, vapor de água e propriedades de nuvem. AIRS também pode medir vestígios de gases de efeito estufa como ozônio, monóxido de carbono, dióxido de carbono e metano.

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας