Tag Archives: satélite natural

O medo que tenta obscurecer a luz, mas passa de mansinho

Marte, o Planeta-Guerreiro é a nossa atual fonte de inspiração. É a ele que almejamos ir. É ele que nos fascina. Não que a Lua tenha perdido seu charme. Essa ignomínia nunca acontecerá, mas Marte é a nossa próxima meta, a nossa próxima parada, o próximo passo da Aventura Humana, que começou desde que conseguimos ficar sobre dois pés e olhamos o horizonte perdido de uma savana e nos perguntamos o que havia ali, sem Shangri-la ou apenas mais um tigre de dentes de sabre para nos dar um “oi” antes da mordida final.

Assim como o primeiro hominídeo contemplou aquele grande disco branco e se perguntou que deusa maravilhosa era aquela, hoje vemos Marte e perguntamos sobre ele e o que ele esconde, bem como os seus dois satélites: Fobos e Deimos.

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

As prateadas fases de um satélite natural

A Lua e o Sol são os dois corpos astronômicos que passamos a admirar primeiro. Não é nem difícil imaginar o motivo. Um regula nossa vida diária, nos aquecendo, mostrando a contagem dos dias, nos protegendo de animais furtivos (ou quase). Ok que ele ainda nos dá de presente um câncer de pele, mas nada na Natureza é totalmente lindinho. A Lua, entretanto, nos ajuda a entender o tempo de forma mais abrangente.

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

A imensa Lua que repousa sobre nós

A Lua vem nascendo e se pondo desde que depois do porradão que Theia deu na Terra e os detritos se arranjaram formando nosso satélite natural. Tem sido um dos passatempos humanos desde que os humanos passaram a se dar conta da maravilha deste espetáculo. Hoje, mesmo com nossa vida agitada, sempre nos maravilhamos com este tipo de cena; mas nunca de uma forma como Daniel López captou nas Ilhas Canárias.

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

Os segredos molhadinhos da Lua

A Lua é fascinante. Foi o primeiro passo que a Humanidade deu para fora da Terra, pois é o único astro celeste no qual efetiva e literalmente pisamos fora daqui. Desde que um proto-planeta deu um porradão na proto-terra, arrancando um pedação daqui e este material acabou se aglomerando e formando a Lua, este astro vem tomando bordoada de todo lado. Seja de micro-meteoros, até cometas. Não apenas isso, a água teve um papel crucial na Lua, e ainda hoje escreve a sua história, como pesquisas atuais demonstram.

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

Os segredos ocultos de Titã para formação da vida

Em 2014, eu postei sobre uma teoria que os mares de Titã, o maior satélite natural de Saturno, poderia abrigar vida. longe das maluquices do Daniken, não estamos falando de civilizações avançadas, apenas proteínas que tivessem capacidade de autorreplicação. Isso seria vida, por certo, ou bem o início dela. Titã tem uma atmosfera que é predominantemente nitrogênio (95%) e metano, além de outros pouquíssimos gases

.

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

Hubble registra Phobos passando por Marte

O Telescópio Espacial Hubble continua firme e forte dando uma zoiada pelo Universo enquanto ainda não é descomissionado de vez, o que eu espero que nunca aconteça porque… bem, é o Hubble, né? Dessa vez, ele estava registrando umas imagens de Marte, quando o pequeno satélite Phobos estava em sua órbita normal e acabou sendo registrada pelo Hubble, mas tão pequena que é este satélite que ele parece uma pequena estrela.

Ao longo de 22 minutos, o Hubble levou 13 exposições separadas, permitindo que os astrônomos criassem um vídeo de lapso de tempo que mostra o caminho orbital de Phobos. As observações de Hubble foram destinadas a fotografar Marte, e o “Hello Ladies” de Phobos foi um bônus.

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

A Última Missão da Sonda Cassini-Huygens

A Missão Cassini-Huygens foi lançada em 15 de outubro de 1997, e agora sua missão está chegando ao fim. Enquanto a sonda Huygens beijou Saturno, a Cassini ficou lá em cima, passando por anéis e fotografando e filmando tudo o que podia. Cada imagem é uma poesia à parte. Mas tudo tem que terminar um dia.

Depois de 7 anos perscrutando o Senhor dos Anéis de nosso Sistema Solar, o combustível da Cassini está acabando. Seria simples deixá-la se esborrachar de qualquer jeito, mas não pode ser assim, não seria justo. Não seria digno.

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

A incrível usina termoquímica de Enceladus

Opa, novas informações divulgadas sobre as descobertas da sonda Cassini a respeito do satélite Enceladus e do Hubble a respeito de Europa, o satélite de Júpiter, não o continente. Muitos já estão especulando sobre a possibilidade de haver vida ou, pelo menos, condições capazes de sustentar o surgimento de qualquer ser vivo, ainda que tosco. Serio mesmo que isso foi o que descobriram?

Dica: Não.

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

A eletrizante superfície de Titã

Titã é algo absurdo. Já começa que ele é a maior lua satélite natural do Sistema Solar. Ele tem um raio de 2.576 km. Para você ter uma ideia, Marte tem raio de 3.390 km. Nada mal para um simples satélite, não é mesmo? Já postamos várias notícias e informações sobre Titã, mas ciência não para. Agora, pesquisadores estimam que Titã tem a Força… no caso: força elétrica, já que sua superfície seria carregada eletricamente.

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

As ondas de uma perturbadora Dafne

Dafne é a ninfa filha do rei Peneu. Éros, o deusinho espírito-de-porco dá uma flechada em Apolo e acaba se apaixonando pela ninfa. Como bom FDP que Éros era (dsclp), este dá uma flechada com uma ponta de chumbo em Dafne e esta acha que Apolo era o cacete e rejeita o sujeito. Apolo não queria largar da garota e Dafne caindo fora pois não curtia stalker; daí acabou pedindo para papai a livrar daquilo, e este a transforma num loureiro. Apolo desolado diz que se ela não podia ser sua esposa, que se tornasse, então, sua árvore sagrada, levando consigo sempre um ramo de louros. Bernini imortalizou a cena.

A Era dos Mitos não existe mais (vai acreditando nisso), mas homenageamos corpos celestes com nomes de deidades, seres supranaturais e heróis para nos lembrar de nosso fascínio pelo que está além de nosso planeta. Dafne não é diferente. Um dos satélites de Saturno, o Senhor dos Céus, mostra que apesar de não ser famosona, faz diferença, e essa diferença foi registrada.

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας