O vento que venta lá…

Uma coisa que as pessoas não entendem é que uma conquista pode muito bem valer para os dois lados, principalmente quando se quer um equilíbrio entre os dois lados. Pessoal está indignadíssimo com a França, e isso porque ela criou uma lei criando igualdade entre os gêneros, sob pena de multa quem não obedecer, levando à irônica ação de multar a prefeitura de Paris por privilegiar mulheres.

Pelo visto, ventou cá, também. Continuar lendo “O vento que venta lá…”