Pesquisa da NASA mapeia árvores para estudar ciclo do carbono

Cientistas do Goddard Space Flight Center da NASA em Greenbelt, Maryland, e colaboradores internacionais demonstraram um novo método para mapear a localização e o tamanho das árvores que crescem fora das florestas, descobrindo um número surpreendentemente alto de árvores em regiões semi-áridas e estabelecendo as bases para uma visão global mais precisa medição do armazenamento de carbono na Terra.

Continuar lendo “Pesquisa da NASA mapeia árvores para estudar ciclo do carbono”

Árvores de Natal viram substâncias diversas nas mãos de químicos (de nada)

Passou-se o Natal, Reveillon agora só no ano que vem e agora fica a pergunta: o que vão fazer com as árvores de natal feitas com pinheiro natural? Claro, aqui no Brasil é meio esquisita esta pergunta, pois todas as árvores são artificiais, de pRástico ou a minha favorita: fibra ótica (menos trabalho para colocar pisca-pisca). Com a proibição de canudinhos e a futura proibição de copos plásticos, não sei como ainda permitem árvores de natal (se bem que sachê de catchup tem mais plástico que canudinho e ninguém fala nada). Já, nos EUA e Inglaterra, o uso de pinheiro naturais é muito comum, mas o que fazer com as árvores depois disso? manda pro lixão? Queima com a lenha?

Bem, pesquisadores ingleses resolveram que poderiam dar um fim mais… doce para os pinheiros, transformando as suas agulhas em diversas substâncias.

Continuar lendo “Árvores de Natal viram substâncias diversas nas mãos de químicos (de nada)”

Grandes Nomes da Ciência: Aidan Dwyer

O menino que não gostava de inverno sempre pensou que esta era uma das piores estações do ano. Ele sempre o imaginou como sendo algo lúgubre, escuro… Os dias curtos e as longas e frias noites causam arrepios, não só pela baixa temperatura, mas pelo medo ancestral. Ainda assim, os fantasmas só existem em nossas mentes e quando o jovem visitou as montanhas Caskill, a noroeste da cidade de Nova York, ele viu algo nas árvores que seria a chave para o aumento da eficiência de células solares.

Continuar lendo “Grandes Nomes da Ciência: Aidan Dwyer”