O Roque dos Garotos observando o céu

As Ilhas Canárias são uma maravilha pela sua geografia e limpeza, em todos os sentidos. Elas formam um arquipélago pertencente à Espanha, que fica no oceano Atlântico, perto da costa do Marrocos. É um local protegido de forma a garantir que não haja poluição luminosa, de forma a poder-se contemplar o céu noturno.

Continuar lendo “O Roque dos Garotos observando o céu”

Uma Lua passando por nossas vidas e nós nem nos damos conta

Esta semana nós tivemos uma belíssima Lua Cheia. Eu sei, a gente olha pra cima, e diz “que beleza, Lua Cheia”, mas quanto tempo ficamos observando? Com certeza, não horas a fio. Mesmo porque, haja paciência, também. Por isso, eu gosto dos vídeos em lapso de tempo. Podemos admirar horas em poucos minutos. As nuvens ocasionais passando, algumas vezes encobrindo a Lua, mas de repente ela está lá, resplandecente e bela, como sempre.

Continuar lendo “Uma Lua passando por nossas vidas e nós nem nos damos conta”

Patagônia como você nunca viu

A Patagônia é um lugar incrível. Estando mais ao sul da América do Sul, numa região compreendendo parte da Argentina e do Chile, a Patagônia é fantástica. Podemos ver a aurora austral (no norte é “boreal”),  além de um fantástico céu noturno de tirar o fôlego.

O vídeo a seguir explora as belas e agrestes paisagens da Patagônia, estando com resolução animal de 8K, tendo sido registrado durante 6 semanas, viajando mais de 7.500 km de Santiago a Punta Arenas, capturando cerca de 100.000 imagens estáticas que se combinam neste timelapse.

Continuar lendo “Patagônia como você nunca viu”

No duelo de luzes, a artificial sempre ganha

Quando você viu o céu coalhado de estrelas da última vez? Era no centro de alguma capital? Pois, é. Tá difícil ver as estrelas fora o nosso Sol. A iluminação artificial das cidades faz com que as pobres estrelas tenham p seu brilho ofuscado. Astrônomos medem de um a nove, na escala de Bortle, o quanto a iluminação artificial atrapalha a visão do céu noturno; e este vídeo feito em 2016, rodado principalmente na Califórnia por Sriram Murali, percorre todos os níveis da escala, mostrando como a visão do Cosmos fica melhor em áreas menos poluídas pela luz.

Eu ainda quero ver o céu estrelado novamente, mas sei que, para isso, terei que ir bem para o interior, pois somos reféns de nosso próprio desenvolvimento tecnológico. Continuar lendo “No duelo de luzes, a artificial sempre ganha”

Cogitando sob os céus do Atacama parte 2

No ano passado, eu postei a parte 1 deste vídeo. Até mencionei o Cogita, mas o puto não leu. Fuck my life! De qualquer forma, o vídeo a seguir é outro timelapse maravilhoso feito no árido e seco Atacama, cuja baixa umidade faz dele um lugar magnífico para astrofotografia. Algo mágico, incrível e maravilhoso, que eu gostaria de ver pessoalmente. Quem sabe um dia? Mas acho que não.

Continuar lendo “Cogitando sob os céus do Atacama parte 2”

As maravilhas escondidas do Cairo

O Cairo é estranho. Estranho e misterioso como o próprio Egito como um todo. Tendo hoje mais de 21 milhões de habitantes, o Cairo tem uma população não-residente muito maior graças ao turismo. E como não pensar em ir lá? É fantástico saber que ali viveram poderosos reis que governavam uma das maiores civilizações da Antiguidade, muito antes sequer de existir Roma. Lembramos das pirâmides, cujas fotos as fazem parecer ainda no deserto inóspito, mas é coladinho à cidade do Cairo, e a foto acima prova isso. Não é photoshop, você realmente pode ver as pirâmides e o tamanho monumental delas ajuda na vista. Obrigado Quéops, Quéfrem e Miquerinos.

Continuar lendo “As maravilhas escondidas do Cairo”

Geldingadalir, o vulcão estrelinha

Na Península de Reykjanes, na Islândia, o terreno é extremamente instável. De um lado temos o vulcão Fagradalsfjall, cujo cume mais alto é Langhóll de 385 m. Ao sul temos Geldingadalir outro vulcão, cuja erupção começou em 19 de março deste ano e está lá até agora cuspindo lava. Continuar lendo “Geldingadalir, o vulcão estrelinha”

Artigos da Semana 64

Estamos na marca de 500 mil mortos, e este número vai subir nesta semana que entra. Um dos artigos falou sobre como não aprendemos nada, e jamais iremos aprender. Também trazemos a história do bon vivant com 39 esposas que bateu as botas e o inventário será uma dor de cabeça. Ah, e vídeos da Natureza e de foguetes.

Mas ainda há o número de 500 mil mortes nos assombrando.  Por que as pessoas não aprendem?

Continuar lendo “Artigos da Semana 64”