Equipe sintetiza genoma artificial

mycoplasma.jpgLembra-se dos replicantes, aqueles andróides biológicos, mas artificiais, do clássico filme de ficção científica “Blade Runner”? A ciência moderna ainda está muito longe disso, mas já começa a trilhar seus primeiros passos na construção de formas de vida artificiais. E o último avanço veio de uma equipe liderada por ninguém menos que Craig Venter – o homem que foi responsável direto pelo sucesso no seqüenciamento do genoma humano.

Sua equipe acaba de anunciar que conseguiu sintetizar, montar e replicar com sucesso o primeiro genoma artificial de bactéria (foto ao lado). Nada tão gigantesco quanto os 3 bilhões de letras químicas existentes no genoma humano, mas ainda assim impressionantes 583 mil letras – é o maior genoma do tipo sintetizado artificialmente.

O artigo, que tem como autor principal Hamilton Smith, velho colega de Venter e um de seus principais colaboradores no The J. Craig Venter Institute, foi publicado eletronicamente pelo periódico científico “Science”. Continuar lendo “Equipe sintetiza genoma artificial”