E o que ia acontecer aconteceu

Marcos Pontes é indicado para o Ministério de Ciência e Tecnologia. Leiam o nome do meu site
Charlatão promete curar autismo com urina

Hoje é um dia importante na minha vida. Não sei se é tanto para vocês, mas pra mim é. É um dia que em meu coração ficou como um marco, um divisor de águas. Quando antes era tudo trevas, a iluminação chegou e vimos que nossas vidas, apesar de tantas mazelas, tantas desgraças, tantas desavenças, tanto disse-me-disse, tanto governo que mal se importa com o que é realmente importante, no dia de hoje ficou marcado como um ponto que a linha temporal mudou e tudo se tornou mais claro, mas lindo, mas perfeito.

De tudo e por tudo, com tantos xingamentos e ameaças, com tanta gente vindo me xingar pelo modo como me posiciono (ameaças sérias; de morte, inclusive!), não há mais como voltar. É isso aí, é definitivo. Só tenho que dizer que as crônicas estavam erradas e o inexorável aconteceu.

Sim, Ceticismo.net faz 12 anos!

Em 2006 eu estreei o site, ainda na plataforma WordPress.com. tinha amigos participando, e hoje sou só eu. Eu expliquei isso quando o site fez dez anos. Eu comemorei o primeiro aniversário, comemorei o segundo. Só fui comemorar na marca de DEZ FUCKING ANOS! (isso soou estranho na leitura.)

Eu estou olhando para a longa história e pensando “rapaz, como o tempo passa. Como já estão grandes”. Eu olho o que meu site se tornou. O tanto que eu escrevi, o tanto que eu compartilhei. É mais que um filho meu. É praticamente um clone dos meus pensamentos, de minha cultura, de minhas opiniões, de mim próprio. Eu já estive para fechar o site, mas seria como perder um pedaço de mim (eu adoro todos os meus pedaços, vocês sabem), mas eu já contei isso antes.

Hoje eu estou 12 anos mais velho do que quando comecei o site, mas bem poderia ser 120 anos. Me sinto mais culto, mais sábio, talvez nem tanto sensato. Vejo textos meus antigos, que sempre vão parar no Twitter com o Twitter Old Posts. Eu leio a escrita de um menino, apesar de já ser velho na época. Alguns textos eu rio sozinho, outros eu redescubro, outros estão desatualizados e tem aqueles que eu escrevi muito mal (pelo menos, para os padrões que uso para escrever hoje). Com defeitos ou não, eu adoro todos os meus artigos, tudo o que eu escrevi é-me de muito carinho. Não sei se outros que escrevem pensam assim, e nem me importo.

O tempo dos blogs passou. O mundo está na onda dos youtubeiros e podcasteiros (embora que, podcasts ainda não disseram a que vieram). Dizem que não, os blogs não morreram. Mas morreram. Não há mais a quantidade que tem hoje. Partiu-se pra outras mídias, mas eu ainda sou resiliente e prefiro textos. Então, digamos que assim como eu, outros permaneceram, entre eles o Cardoso e o E-Farsas. Então, temos menos, mas melhores blogs.

São 19h15min. Tinha parado o meu trabalho para escrever este artigo. Estou reclinado com uma caneca de café ornada com gatinhos, óculos na ponta do nariz, usando o dedo indicador para coloca-lo de volta (se você usa óculos, conhece o movimento). Apoiei o rosto ente os dedos indicador e polegar. 4004 artigos (incluindo este). É muita coisa. Não sei se teremos mais 4000 artigos vindouros. Mas sei uma coisa. O domínio e a hospedagem estão pagos para mais um ano.

Por mais doze meses ainda estarei aqui. Por mais doze meses ainda teremos artigos. Agradecimentos a vocês que têm me acompanhado nestes 12 anos, 11 anos, 5 anos, 2 anos ou começou a ler meus artigos neste ano. O agradecimento é igual, e não desliguem. Sua leitura é muito importante para mim.

Marcos Pontes é indicado para o Ministério de Ciência e Tecnologia. Leiam o nome do meu site
Charlatão promete curar autismo com urina

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

Quer opinar? Ótimo! Mas leia primeiro a nossa Polí­tica de Comentários, para não reclamar depois. Todos os comentários necessitam aprovação para aparecerem. Não gostou? Só lamento!