Argentina celebra 1º casamento homossexual da América Latina

Los Hermanos saíram na frente e se eu fosse um pouquinho mais maldoso, diria que vai uma rapaziada atrás, bem coladinho. Um cartório na província da Terra do Fogo registrou, nesta segunda-feira (28/12), o primeiro casamento homossexual da América Latina. As monas estão em festa, mas algo tenebroso se alevanta no horizonte.

Alejandro Freyre, de 39 anos, e Jose Maria Di Bello, de 41, celebraram a cerimônia civil no sul do país. O casamento homossexual ser proibido na terra de Maradona, pelo seu Código Civil. Por isso, o juiz de Buenos Aires, que usa vestidinho pretinho básico que ele chama de toga, proibiu que Alejandro e Jose Maria contraíssem matrimônio (falando assim, parece até doença). Dessa forma, o casal ralou peito pra Terra do Fogo, onde a governadora Fabiana Rios emitiu um decreto especial para o casal, alegando que a Constituição não fazia a menor menção e, por isso, não poderia ser considerado um ato inconstitucional.

O casal é portador do HIV e eu penso que isso foi um dos motivos que levou a governadora a emitir a ordem. Infelizmente, o casal não pôde se casar no dia 1º de dezembro, que celebra o Dia Mundial da Aids

Em entrevista à BBC, Di Bello afirmou: “Nós estamos extremamente felizes e animados pelo que isso representa para todos os gays e lésbicas na Argentina”.

Na última semana, o México se tornou o primeiro país da América Latina a permitir o casamento entre homossexuais, mas ainda não celebrou nenhuma cerimônia. No entanto, há sempre algo ruim espreitando. Os malévolos servidores do Reino das Trevas, os lords Sith Portenhos não ficaram nada felizes com isso, já que o evento não propiciou nenhuma leva de noviços para os conventos e mosteiros da Argentina. O bispo Juan Carlos disse à imprensa local que a união era “um ataque contra a sobrevivência da espécie humana”, o que me leva a pensar na invasão do Exército Rosa Choque Purpurinada, marchando de fronteira em fronteira, dizimando mulheres e crianças inocentes, lavando as ruas com o sangue de pessoas atacadas sob a égide do ódio perpetrado a quem não se curvar ao poderio do glorioso Exército que tem o seu estandarte vindo à frente. O detalhe é que isso não seria muito do feitio de homossexuais e sim do pessoal da própria ICAR, já que a descrição anterior é exatamente o que aconteceu durante a Inquisição, as Cruzadas e a Noite de São Bartolomeu.

Somando mais idiotice nesta sopa de intolerância, uma associação de advogados católicos questionou a legalidade do casamento homossexual celebrado no país, já que as monas de vestidinho púrpura e chapeuzinho estiloso ficam eufóricas quando veem colegas se casando e sendo felizes, enquanto as Borboletinhas do Senhor têm que ficar em suas celas, brincando de meinha, sendo vedada qualquer tipo de expressão de felicidade.

Diversos países latino-americanos legalizaram as uniões civis entre casais do mesmo sexo, mas esse tipo de união geralmente confere menos direitos aos cônjuges do que o casamento comum, já que hipocrisia pouca é bobagem. Políticos de uma maneira geral possuem o rabo preso com entidades religiosas e com o crime organizado (sim, eu sei que parece redundância), já que ambos ajudam a financiá-los. O problema é que gays, lésbicas, simpatizantes etc também votam. Isso não é legal, já que de eleitor não se recusa nada. Nem que seja pra ferrá-los depois.


Fonte: BBC Brasil

Technorati : ,
Del.icio.us : ,
Zooomr : ,

6 comentários em “Argentina celebra 1º casamento homossexual da América Latina

  1. “O bispo Juan Carlos disse à imprensa local que a união era “um ataque contra a sobrevivência da espécie humana.” Esse bispo é débil mental ou o que (tá, eu sei que é)? Por mais que metade do planeta seja homossexual, a outra metade vai continuar sendo hetero. Casamentos homossexuais são (na minha humilde opinião) uma ótima forma de controlar um pouco a natalidade.

Deixe um comentário, mas lembre-se que ele precisa ser aprovado para aparecer.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s