Site divulga serviço militar prestado por Hitler na 1ª Guerra Mundial

Novas descobertas sobre o Império Assírio
Pesquisa mostra que Mar Mediterrâneo sofreu uma grande enchente

O site britânico de genealogia Ancestry.co.uk publicou os registros do serviço militar prestado por um cara muito legal, excelente pintor, bom pianista, ferrenho opositor ao fumo e que elevou uma nação da bancarrota a uma grande potência. O único probleminha daquele austríaco enlouquecido, conhecido como Adolf Hitler, foi ter surtado de vez e feito história da maneira mais torpe, vil e assassina na Era Contemporânea.

Caso não saibam, Adolf, o Louco, serviu no exército germânico durante a 1ª Guerra Mundial, ao lado dos de mais de meio milhão de outros soldados que combateram pela Alemanha. Vai ganhar um doce quem descobrir a cereja do bolo nesta postagem.

O Ancestry se descreve como o maior site britânico de história familiar. Agora, ele começou a postar em seu site as atividades militares de 1,5 milhão de soldados que combateram no Regimento Bávaro, no que seria a “guerra para pôr fim a todas as guerras”, e isso inclui um cabo voluntário de 25 anos que viria a ser responsável por uma das maiores cagadas dos últimos 70 anos.

Hitler, o Hannibal Lecter de bigodinho, foi descrito nos registros como “católico”, “artista” e “mensageiro [ciclista] do Regimento” – cujo papel era servir de boy, acordando 7 horas, pegando ônibus lotado, sair carregando despachos (ê ê) e fazendo todo o serviço inerente ao seu altíssimo cargo.

Os registros médicos do psicótico de Braunau incluem “ferimentos leves na coxa, sofridos em outubro de 1916 em Le Barque por uma granada de artilharia” (os malditos franceses são incapazes de fazer algo bem-feito), e a passagem por um hospital em outubro de 1918, quando foi “atingido por gases em La Montagne”.

Os documentos mostram mostram ainda que Hitler recebeu cinco medalhas, incluindo a Cruz de Ferro duas vezes, 1ª e 2ª classe. Os registros originais, em papel, pertencem ao Arquivo Estadual da Bavária, que formou uma parceria com o Ancestry para colocar a coleção de documentos online, informou o site, em comunicado.

Os registros individuais incluem o nome, posto militar, data e local de nascimento, informações sobre serviço militar ativo, religião, profissão ou ocupação, estado civil, nome dos pais e endereço de cada soldado. Obviamente, isso não é de graça, mas por algumas libras esterlinas, você, meu caro fofoqueiro, poderá saber sobre a vida de Darth Hitler, assim como de um monte de gente. Ligue Djá!

Para finalizar, uma imagem em homenagem ao nosso amiguinho de bigode ridículo e cabelo de quem passou chapinha:


Fonte: Folha Online

Novas descobertas sobre o Império Assírio
Pesquisa mostra que Mar Mediterrâneo sofreu uma grande enchente

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας