Grandes Nomes da CIência

Biografias de cientistas conhecidos ou não tão conhecidos assim. Curiosidades e fatos sobre suas pesquisas, inclusive gente anônima que fez ciência e não recebeu os devidos créditos. Mais »

Livro dos Porquês

A sabedoria e o conhecimento. Isso é Poder! Abra sua mente, aprenda mais sobre questões básicas (e complexas) e tire suas dúvidas, de forma mais didática possível, sem ser aquelas aulas chatas de colégio. Mais »

Grandes Mentiras Religiosas

O mundo não é tão bizarro quanto fazem parecer. Mentiras e enganações para ludibriar as pessoas, lindamente desmontados, de forma a trazer à luz a desonestidade para tentar lhe fazer parar de pensar e simplesmente aceitar o que querem que você pense. Mais »

Caderno dos Professores

Para quem quer ensinar e muitas vezes se pergunta como abordar um tema. Como deixar a aula interessante, como levar conhecimento aos seus alunos por meios que pedagogos lhe odiarão, mas serão amados pelos estudantes. Mais »

 

Hidroponia

hidroponia.jpgUma das maiores preocupações do mundo diz respeito à produção de alimentos. O principal problema, depois da água, é a ausência de solo cultivável em todos os recantos do planeta. Mas, as pessoas precisam ser alimentadas; o que fazer? A saída seria uma técnica de plantio sem a necessidade de se empregar o solo. Isso é possível? Sim, é. A hidroponia (cujo significado literal é “trabalho em água”) é uma técnica de plantio onde o solo é dispensável; voltada principalmente para o cultivo de verduras, frutos e até mesmo flores.

Toda planta necessita, para o seu desenvolvimento, basicamente de cinco fatores: Local para apoio, água, luz solar, ar e nutrientes. Com efeito, se uma planta não puder se apoiar em nada, ela vai cair; se não tiver luz solar, ela não poderá fazer fotossíntese; se não tiver água, morrerá de sede; e se não tiver nutrientes, não poderá transformá-los em energia.

A hidroponia provê isso tudo. Num sistema fechado, certa quantidade água circula por canaletas onde as plantas são colocadas, cai de volta ao reservatório de onde veio e, por meio de uma bomba, volta a correr pelas canaletas. Nesta água, calcula-se a quantidade de nutrientes que devem ser dissolvidos. Em geral, emprega-se fosfatos de sódio e potássio, cloreto de amônio, sulfato de magnésio e nitrato de potássio e/ou sódio. Esta é a famosa solução nutritiva. A “comidinha” da planta, em outras palavras. 😀

De início, as sementes da planta com a qual deseja-se trabalhar é alocada em espumas que já contém certa quantidade de adubo e umedecidas. Depois de brotarem e se desenvolverem é que são transferidas para a bancada hidropônica. Este é o chamado “berçário”. De início, a planta necessita maior quantidade de energia para brotar e se desenvolver, isto é, ela precisa “comer” mais. Assim, maior concentração de solução nutritiva deve ser empregada. Conforme ela irá se desenvolvendo até a colheita, a concentração deve ser reduzida aos poucos.

hydro.jpg

As vantagens do processo hidropônico são óbvias:

  1. Não necessita de solo.
  2. Não necessita de quantidades abundantes de água, visto que ela (com os nutrientes dissolvidos) é sai do reservatório, impulsionada pela bomba, chega ao topo da canaleta (que deve possuir uma inclinação de 2 a 3%), passa pela canaleta por causa da gravidade, onde a planta retira os nutrientes necessários, e cai de volta ao reservatório inicial, repetindo todo o processo.
  3. Não há desperdício de adubos, pois o que a planta não consumir vai de volta para o reservatório.
  4. Pode ser construída em qualquer lugar, tomando apenas cuidado com a iluminação solar excessiva.
  5. Sendo realizada em lugares fechados (as estufas hidropônicas), os vegetais não estarão sujeitos a pragas, dispensando o uso de agrotóxicos.

Países com a Austrália empregam largamente os sistemas hidropônicos, tendo fazendas de cerca de quilômetros quadrados. O clima de lá não impede que se produzam verduras e legumes frescos. A China utiliza até para produzir flores, pois qualquer vegetal pode ser plantado com este processo. Entretanto, se você planeja construir um sistema desse para plantar uma jaqueira no quintal, eu desaconselho severamente. Se for para colher alfaces, couves etc., existem várias empresas que possuem kits de montagem que podem ser construídas em qualquer varandinha.

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

  • Geovane

    Complicado é ficar escutando a galera dos orgânicos que hidroponia é química “braba”, que faz mal etc. Não entendem que não existe alface orgânica, pois a planta não consegue absorver uma molécula orgânica.

    Ecochatos fazem de tudo pra difamar o cultivo hidroponico. Também pudera, enquanto colho 5 vezes mais, 2 vezes mais rápido e sem agrotóxicos, eles com suas quimiofobias ficam a ver navios.

    Administrador André respondeu:

    Complicado é ficar escutando a galera dos orgânicos que hidroponia é química “braba”, que faz mal etc. Não entendem que não existe alface orgânica, pois a planta não consegue absorver uma molécula orgânica.

    Vc andou matando as aulas do colégio, filho.

    Abbadon respondeu:

    Por acaso, vc LEU o artigo ?

    Nihil Lemos respondeu:

    @Abbadon, Ele simplesmente não deve ler.

  • Joseph K

    Não entendem que não existe alface orgânica, pois a planta não consegue absorver uma molécula orgânica. 😯

  • Geovane

    “É verdade. As plantas não absorvem substâncias orgânicas quando nas suas condições normais de crescimento e desenvolvimento. Como já foi salientado, elas fabricam todas as substâncias que têm necessidade para os seus diversos metabolismos. Contudo, em condições especiais como por exemplo nas áreas cortadas onde os tecidos são expostos e os vasos por onde circulam as seivas são lesados elas podem absorver substâncias orgânicas de baixa complexidade molecular e solúveis em água como a glicose e outros açucares simples. Essa absorção não é seletiva nem controlada fisiologicamente. Um bom exemplo é o que acontece com uma flor de corte quando o seu talo é mergulhado num vaso com água. Nesse caso a água pode penetrar pelos vasos ascendentes levando substâncias solubilizadas. Na realidade não é uma absorção normal e, portanto fisiológica. Finalmente, se elas necessitassem da absorção de substâncias orgânicas para se desenvolverem, como explicar as primeiras plantas que cresceram num meio primitivo, bem antes dos animais? Elas fazem, através da fotossíntese que produz a energia necessária, todo o seu metabolismo biossintético e de defesa.” Dr. Erlon.

    André, realmente faltei muita aula (não por vontade própria, greve sempre fez parte da minha educação). Não sei nada de química, to tentando aprender um pouco, pelo visto comecei errado. Mas qual o erro?

    Fiz curso de hidroponia na UFSC, e foi um engenheiro agrônomo que disse que planta não absorve molécula orgânica. Pesquisando, encontrei isso:

    “A linha que divide as moléculas orgânicas das inorgânicas tem originado polêmicas e historicamente tem sido arbitrária, porém, geralmente os compostos orgânicos apresentam carbono ligado a hidrogênio, e os compostos inorgânicos não. Deste modo, o ácido carbônico é inorgânico, entretanto, o ácido fórmico, o primeiro ácido carboxílico, é orgânico. O anidrido carbônico e o monóxido de carbono são compostos inorgânicos. Portanto, todas as moléculas orgânicas contêm carbono, porém nem todas as moléculas que tem carbono, são moléculas orgânicas.” Fonte: Wikipedia.

    Abaddon, Li sim, por quê? Posso não ter entendido, pode me ajudar? Não precisa explicar, só diz os erros. O google é meu pastor e nada me faltará.

    Administrador André respondeu:

    “É verdade. As plantas não absorvem substâncias orgânicas quando nas suas condições normais de crescimento e desenvolvimento.(…)”

    SEMPRE cite a fonte: http://www.plantaebomdemais.com.br/?p=812

    Aliás, olhe a PÉROLA desta merda de site:

    Substância orgânicas – As moléculas orgânicas naturais são as sintetizadas pelos seres vivos e denominadas biomoléculas.

    Alguém esfrega um livro de ensino médio na cara dessa mulher, sim?

    André, realmente faltei muita aula (não por vontade própria, greve sempre fez parte da minha educação). Não sei nada de química, to tentando aprender um pouco, pelo visto comecei errado. Mas qual o erro?

    O erro está em saber o que é uma substância orgânica. Mais livros, menos sites de plantas.

    Fiz curso de hidroponia na UFSC, e foi um engenheiro agrônomo que disse que planta não absorve molécula orgânica. Pesquisando, encontrei isso:

    E só pq ele é engenheiro agrônomo está livre de escrever bobagens que podem ser desmistificadas no ensino médio? Bem capaz de ele tomar suco de clorofila.

    A linha que divide as moléculas orgânicas das inorgânicas tem originado polêmicas e historicamente tem sido arbitrária, porém, geralmente os compostos orgânicos apresentam carbono ligado a hidrogênio, e os compostos inorgânicos não. Deste modo, o ácido carbônico é inorgânico

    Wikimérdia, como sempre. Não existe ácido carbônico, por causa do equilíbrio tênue H2CO3 H2O + CO2

    Se vc estudou MESMO hidroponia, sabe que um dos constituintes da solução nutritiva é ureia. Pergunta lá pro engenheiro agrônomo POR QUE se usa ureia.

  • Geovane

    Opa, desculpa por não ter citado a fonte.

    Pode me indicar um livro, ou um site?

    Estudei hidroponia, e trabalho com hidroponia. Não uso ureia na solução nutritiva. Pode ser que usem, mas não uso e no curso não falaram nada sobre ureia( a não ser que ela esteja escondida na solução e eu pela minha ignorância em quimica não me permita ver) . E não sabia que ureia é organico, estudei hidroponia e não química.

    Uma coisa que notei no artigo:

    “De início, a planta necessita maior quantidade de energia para brotar e se desenvolver, isto é, ela precisa “comer” mais. Assim, maior concentração de solução nutritiva deve ser empregada. Conforme ela irá se desenvolvendo até a colheita, a concentração deve ser reduzida aos poucos.”

    Bom, fazemos ao contrario, na germinação água pura, depois solução a 25% da concentração total de sais, medido pelo condutivímetro, e vai aumentando aos poucos, se não a planta tem uma “overfertiz” por não absorver concentração elevada de sais na fase inicial, e isso ocorre na pratica, ela “queima”(quem erra no calculo da solução sabe). E a espuma não tem adubo, é lavada para poder elevar o pH e tirar possiveis sais.

    Esses são os sais que uso:

    – Nitrogênio, em forma de nitratos (NO3-)
    – Fósforo, em forma de fosfatos (PO4H2-)
    – Potássio, em forma de K+
    – Cálcio, em forma da C++
    – Magnésio, em forma de Mg++
    – Enxofre, em forma de (SO4=)
    – Boro, em forma mineral
    – Cobre, em forma quelatada
    – Ferro, em forma quelatada
    – Manganês, em forma quelatada
    – Molibdênio, em forma mineral
    – Zinco, em forma quelatada

    Claro que por ele ser engenheiro não quer dizer nada, aliás ele é um crente bem tosco.

    Administrador André respondeu:

    Pode me indicar um livro, ou um site?

    Claro: http://tinyurl.com/5upyyu4

    Estudei hidroponia, e trabalho com hidroponia. Não uso ureia na solução nutritiva. Pode ser que usem, mas não uso e no curso não falaram nada sobre ureia( a não ser que ela esteja escondida na solução e eu pela minha ignorância em quimica não me permita ver) .

    E não sabia que ureia é organico, estudei hidroponia e não química.

    Para isso existem coisas camadas COLÉGIOS.

    Wohler está dançando polca na sepultura.

    Bom, fazemos ao contrario, na germinação água pura, depois solução a 25% da concentração total de sais, medido pelo condutivímetro, e vai aumentando aos poucos, se não a planta tem uma “overfertiz” por não absorver concentração elevada de sais na fase inicial,

    Aulinhas de fisiologia vegetal: a planta precisa de mais energia nas suas primeiras fases de desenvolvimento. Pergunta: o que vc identifica em sementes? (dica: use iodo).

    E a espuma não tem adubo, é lavada para poder elevar o pH e tirar possiveis sais

    Isso é o que VOCÊ pensa. Nunca mandem um curioso fazer o trabalho de um químico.

    Claro que por ele ser engenheiro não quer dizer nada, aliás ele é um crente bem tosco.

    Ser agrônomo não o far´[a entender de química e ser crente não o fará ser menos agrônomo. Por exemplo, vc não é crente e não está entendendo PICAS do que estou falando.

  • Geovane

    Minha educação foi precária, fica difícil de entender. Para fornecer nitrogenio, utilizamos na forma de nitratos.
    A planta então absorve ureia inteira, ou ela quebra para poder absorver?(tenha paciencia, sou ignorante).

    Pelo menos todos que trabalham com hidroponia que conheço começam com água pura e aumentam a concentração de sais conforme a planta se desenvolve. Já queimei plantas jovens com soluções nutritivas elevadas. Isso é fato(ao menos na pratica).

    Dependendo do tipo de vegetal, aumenta-se determinado nutriente. Exemplo do morango, elevamos fósforo na fase de florescimento e potássio na fase de frutificação. Se não aumentarmos a concentração de sais teremos problemas com a floração e frutificação. Não entendo como se deve então diminuir a solução nutritiva no final do ciclo, já que produção de fruto se utiliza muito mais adubo.

    As sementes tem reservas de energia, com isso elas se desenvolvem sem adubos na fase germinativa. Seu sistema radicular jovem, não conseguem absorve grande quantidades de sais(curso de hidroponia).

    Sei que não é um site-aula, mas poderia explicar essa de que a solução tem que ser mais elevada no começo e diminui no final do ciclo das plantas(já viu aplicação na pratica? estudou na rural né, deve ter produtores hidroponicos lá, sabe se adubam assim?). Seria de grande valia, estamos trabalhando a anos então de forma errada. Poderíamos colher mais com mais qualidade.

    Administrador André respondeu:

    Minha educação foi precária, fica difícil de entender.

    O importante é aprender a ler, o restante já foi escrito.

    Para fornecer nitrogenio, utilizamos na forma de nitratos.
    A planta então absorve ureia inteira, ou ela quebra para poder absorver?(tenha paciencia, sou ignorante).

    Ignorância é não saber. Ficar sem pensar 2 MINUTOS não tem desculpa.

    Pelo menos todos que trabalham com hidroponia que conheço começam com água pura e aumentam a concentração de sais conforme a planta se desenvolve. Já queimei plantas jovens com soluções nutritivas elevadas. Isso é fato(ao menos na pratica).

    Adágio da farmacologia: A diferença entre o remédio e o veneno está na dose.

    Dependendo do tipo de vegetal, aumenta-se determinado nutriente. Exemplo do morango, elevamos fósforo na fase de florescimento e potássio na fase de frutificação. Se não aumentarmos a concentração de sais teremos problemas com a floração e frutificação. Não entendo como se deve então diminuir a solução nutritiva no final do ciclo, já que produção de fruto se utiliza muito mais adubo.

    Sua resposta está na primeira sentença deste seu parágrafo.

    As sementes tem reservas de energia, com isso elas se desenvolvem sem adubos na fase germinativa. Seu sistema radicular jovem, não conseguem absorve grande quantidades de sais(curso de hidroponia).

    E vc vem me dizer que a planta NÃO PRECISA de nutrientes? A propósito, amido é uma substância orgânica, onde está o bonz~]ao que disse que plantas NÃO ABSORVEM substâncias orgânicas?

    Sei que não é um site-aula, mas poderia explicar essa de que a solução tem que ser mais elevada no começo e diminui no final do ciclo das plantas(já viu aplicação na pratica? estudou na rural né, deve ter produtores hidroponicos lá, sabe se adubam assim?). Seria de grande valia, estamos trabalhando a anos então de forma errada. Poderíamos colher mais com mais qualidade.

    Vc sabe qual o mal de vocês? Explicarei: vcs estão estudando sobre hidroponia, mas não sabem NADA de química ou fisiologia vegetal. Não é assim que funciona. Em suas postagens vc demonstrou não saber o básico de Química, Química Orgânica ou Botânica. Pelo amor de HAdfes, plantas não absorvem substâncias orgânicas? Isso é ensinado na 6ª série (7º ano). Não saber não é crime, ficar sem saber deveria ser.

    Eu não preciso como a NASA coloca um satélite em órbita. Mas posso asseguradamente dizer que eles se baseiam nas Leis de Newton. Os fundamentos da ciência envolvida. Compreende? Sem saber os fundamentos, não se vai longe. E cuidado com as generalizações, ou acabrá achando que poderá plantar morangos hidropônicos no Saara.

  • Geovane

    
    Apesar de abundante na atmosfera, as plantas não conseguem absorver N molecular, elas o obtêm pela
    associação simbiótica com bactérias ou pela adubação nitrogenada. As plantas também aproveitam o N
    combinado na matéria orgânica, a partir da sua decomposição, por microorganismos presentes no solo.

    Fonte: http://www.cesnors.ufsm.br/professores/adrisalamoni/Apostila%20DE%20Fisiologia%20Vegetal%20T-P%201b0%202010_Agro.pdf

    Administrador André respondeu:

    Deus, vc é um gênio, cara! Eu JAMAIS saberia disso. Pensei que plantas fixavam N2 do ar, mesmo este sendo altamente estável dada a ligação tripla. Valeu mesmo.

    Meu mal é ficar respondendo aos comentários…

    Geovane respondeu:

    @André,

    Não era a parte do N2 do ar e sim da matéria orgânica ser decomposto por microorganismos presentes no solo para a planta poder absorver. Burrice minha não ter enfatizado isso. Claro que sabia que vc saberia disso. Só queria um comentário seu sobre a planta absorver substancias orgânicas.

    “E vc vem me dizer que a planta NÃO PRECISA de nutrientes?”

    Nutrientes externos provenientes da solução nutritiva na fase inicial da planta.

    “A propósito, amido é uma substância orgânica, onde está o bonz~]ao que disse que plantas NÃO ABSORVEM substâncias orgânicas?”

    Tá já entendi, agronomo estava errado sobre a planta não absorver substancias orgânicas. Complicado é fazer um curso com um “especialista” numa faculdade de renome e aprender errado. Fica a lição.

    “Vc sabe qual o mal de vocês? Explicarei: vcs estão estudando sobre hidroponia, mas não sabem NADA de química ou fisiologia vegetal. Não é assim que funciona. Em suas postagens vc demonstrou não saber o básico de Química, Química Orgânica ou Botânica. Pelo amor de HAdfes, plantas não absorvem substâncias orgânicas? Isso é ensinado na 6ª série (7º ano). Não saber não é crime, ficar sem saber deveria ser.

    Eu não preciso como a NASA coloca um satélite em órbita. Mas posso asseguradamente dizer que eles se baseiam nas Leis de Newton. Os fundamentos da ciência envolvida. Compreende? Sem saber os fundamentos, não se vai longe. E cuidado com as generalizações, ou acabrá achando que poderá plantar morangos hidropônicos no Saara.”

    Tem razão. Vou estudar.

    Gosto do cet.net por isso, aprendo a ver tudo por ângulos diferentes. Mas por que não responder meus comentários? Infringir alguma regra da política de comentários? Não esta escrito “obrigado por sua participação?”

    Administrador André respondeu:

    Só queria um comentário seu sobre a planta absorver substancias orgânicas.

    Meu comentário: mais livros. MUITO MAIS livros.

    Nutrientes externos provenientes da solução nutritiva na fase inicial da planta.

    A planta produz nutrientes de onde, filho? Faz PLIM! e aparecem?

    Tá já entendi, agronomo estava errado sobre a planta não absorver substancias orgânicas. Complicado é fazer um curso com um “especialista” numa faculdade de renome e aprender errado. Fica a lição.

    Segunda lição: Nunca acredite numa autoridade. Acredite nos diversos trabalhos publicados, analisados e comentados. Pode falar pro seu agrônomo: VOCÊ É UM IMBECIL!

    Eu falaria. 😉

    Gosto do cet.net por isso, aprendo a ver tudo por ângulos diferentes. Mas por que não responder meus comentários? Infringir alguma regra da política de comentários? Não esta escrito “obrigado por sua participação?”

    Também está na Política de Comentários:

    Não nos estenderemos além do conteúdo do artigo em comentários a não ser para possível correção ou atualização dentro do próprio artigo. Não fazemos trabalhos escolares, nem nos sentimos na obrigação de responder perguntas de dever de casa.

    Para responder o que vc quer, perderei muito tempo escrevendo, será algo longo chato e… para um comentário? Eu costumo dar este tipo de orientação exclusiva. Chama-se “aula particular” e cobro 100 reais a hora (se for consultoria, sobe pra 500). Já tem vários livros explicanmdo e eu já disse que vc precisa estudar Química e Biologia.

    Em tempo, se as coisas estão caminhando assim no seu curso, eu o trocaria por um melhor. Pergunta: tem algum químico formado dando aula pra vocês?

  • Geovane

    “Em tempo, se as coisas estão caminhando assim no seu curso, eu o trocaria por um melhor. Pergunta: tem algum químico formado dando aula pra vocês?”

    Não, só agrônomos. Mas valeu, aprendi várias lições, principalmente em investigar informações vinda de qualquer um e estudar os fundamentos para tirar proveito máximo, além de ser muito interessante. Já comecei os estudos.

    Lição maior foi essa frase “Não saber não é crime, ficar sem saber deveria ser”.